Paradoxo de bootstrap

ou paradoxo ontológico

a theoretical paradox of time travel that occurs when an object or piece of information sent back in time becomes trapped within an infinite cause-effect loop in which the item no longer has a discernible point of origin, and is said to be “uncaused” or “self-created”.

Posted in Mind | Leave a comment

object-oriented ontology

In metaphysics, object-oriented ontology (OOO) is a 21st-century Heidegger-influenced school of thought that rejects the privileging of human existence over the existence of nonhuman objects. This is in contrast to what it calls the “anthropocentrism” of Kant’s Copernican Revolution, as accepted by most other current metaphysics, in which phenomenal objects are said to conform to the mind of the subject and, in turn, become products of human cognition. Object-oriented ontology maintains that objects exist independently (as Kantian noumena) of human perception and are not ontologically exhausted by their relations with humans or other objects. For object-oriented ontologists, all relations, including those between nonhumans, distort their related objects in the same basic manner as human consciousness and exist on an equal footing with one another.

Object-oriented ontology is often viewed as a subset of speculative realism, a contemporary school of thought that criticizes the post-Kantian reduction of philosophical enquiry to a correlation between thought and being, such that the reality of anything outside of this correlation is unknowable. Object-oriented ontology predates speculative realism, however, and makes distinct claims about the nature and equality of object relations to which not all speculative realists agree. The term “object-oriented philosophy” was coined by Graham Harman, the movement’s founder, in his 1999 doctoral dissertation “Tool-Being: Elements in a Theory of Objects”. In 2009, Levi Bryant rephrased Harman’s original designation as “object-oriented ontology”, giving the movement its current name.

via:

https://en.wikipedia.org/wiki/Object-oriented_ontology

Posted in Mind | Leave a comment

Lei do Terceiro Excluído

O princípio do terceiro excluído (em latim, principium tertii exclusi ou tertium non datur), juntamente com seu complemento, o princípio da não-contradição (a segunda das três leis clássicas do pensamento), são correlatos da lei da identidade (a primeira dessas leis). Por o princípio da identidade particionar o universo em exatamente duas partes, ele cria uma dicotomia na qual as duas partes são “mutualmente exclusivas” e “mutualmente exaustivas”. O princípio da contradição é meramente uma expressão do aspecto mutualmente exclusivo dessa dicotomia, e o princípio do terceiro excluído é uma expressão desse aspecto mutualmente exaustivo.
No campo social ou político, devido à complexidade envolvida, o princípio funciona de fato como uma lógica de exclusão:

Lei da Identidade: X é X

Lei da não-contradição: nada pode ser ao mesmo tempo, X e não-X

Lei do terceiro excluído: todas as coisa são X e não-X

 

Princípio da dedução é a modalidade de raciocínio lógico que faz uso da dedução para obter uma conclusão a respeito de determinada(s) premissa(s). Essencialmente, os raciocínios dedutivos se caracterizam por apresentar conclusões que devem, necessariamente, ser verdadeiras caso todas as premissas sejam verdadeiras e se o raciocínio respeitar uma forma lógica válida. Partindo de princípios reconhecidos como verdadeiros (premissa maior), o pesquisador estabelece relações com uma segunda proposição (premissa menor) para, a partir de raciocínio lógico, chegar à verdade daquilo que propõe (conclusão). O Princípio da indução normalmente se contrasta à dedução ao estabelecer informações prováveis baseadas em regularidades observadas. No princípio da uniformidade da natureza a mente atua por meio de uma reflexão em que há um princípio que auxilia nossas inferências. Os elementos da Natureza sempre agem de forma regular, como se estivessem seguindo leis. Princípio da Causação Universal: para cada evento no Universo existe uma série de condições prévias que inevitavelmente fizeram com que o evento acontecesse.

 

Considera adversário todo o não-apoiador, seja ele um simpatizante ou não do oponente.

Se não está comigo, está contra mim.

Só há o preto ou o branco,

Buda pregava o “caminho do meio”, no qual a trilha para o nirvana deve ser livre de extremismos, tanto do hedonismo e da autoindulgência como da automortificação e do ascetismo.

 

 

 

 

 

Posted in Mind | Leave a comment

Argumentum Ignoratio Elenchi

O sofisma de conclusão irrelevante (ou ignoratio elenchi) busca iludir o interlocutor apresentando uma conclusão que não é, de modo algum, decorrente das premissas apresentadas. As premissas não sustentam a conclusão, que não decorre logicamente daquelas, ou não está com elas relacionada. Há uma utilização de “inteligência confusa” para confundir o auditório. As premissas podem até ser verdadeiras, mas não levam à conclusão proposta pelo orador.

via:

http://nsvg4.site44.com/Sofisma%20de%20conclus%C3%A3o%20irrelevante.html

Posted in Mind | Leave a comment

Clas Myrddin

Clas Myrddin, or Merlin’s Enclosure, is an early name for Great Britain given in the Third Series of Welsh Triads. It is implied that it is the oldest name, as opposed to “Albion“, but the implication is not wholly credible.

Posted in Soul | Leave a comment

V.I.T.R.I.O.L.

Visita Interiora Terrae, Rectificando, Invenies Occultum Lapidem“, que quer dizer: Visita o Centro da Terra, Retificando-te, encontrarás a Pedra Oculta (ou Filosofal). Filosoficamente ela quer dizer: Visita o Teu Interior, Purificando-te, Encontrarás o Teu Eu Oculto, ou, “a essência da tua alma humana”. É o símbolo universal da constante busca do homem para melhorar a si mesmo e a sociedade em geral. O termo é atribuído à um monge beneditino chamado Basile Valentin que viveu em meados do século XV, na Alemanha.

Para os místicos, este é o termo mais misterioso e secreto que se conhece, a verdadeira palavra-passe ou o “abre-te Sésamo” para o “Mundo Oculto dos Deuses” ou dos “Homens Semi-Deuses”.

No ritual da Iniciação Maçônica, Templária, Rosa-cruz ou outra do gênero (consignada pela Tradição Hermética das Idades), o neófito/aprendiz em dado momento se vê confrontado com essa expressão e frequentemente não tem a menor ideia do que se trata. Esta sigla está presente principalmente em Câmara de Reflexão, uma área utilizada na simbologia maçônica onde os maçons entram e refletem sua mortalidade material e consequente necessidade de elevação espiritual.

Posted in Soul | Leave a comment

wei Wu wei

ação sem ação

The Wu Wei Ninja aims to diminish negativity in the world: rather than blocking a punch and causing pain to the fist of the attacker, the Wu Wei Ninja moves with the punch, allowing for soft impact. The Wu Wei Ninja may even fall over from this, pretending defeat and weakness, if this is the only path to diffusing the anger in their opponent. In an extreme situation, the Ninja will flee from the situation, and only in cases of extreme violence and danger, the Ninja will restrain the opponent without violence or anger.

 

via:
https://movementzoo.pagedip.app/movementzoo/translation-blog/of-the-mind/wu-wei-ninja

Posted in Mind | Leave a comment

Assinatura Vibracional

Posted in Mind | Leave a comment

Silentium Incarnatum

Posted in Body | Leave a comment

Nassim Nicholas Taleb – antifrágil

Algo resiliente resiste aos choques mas se mantém da mesma forma de antes. O antifrágil resiste aos choques e se torna ainda melhor.

algumas coisas “se beneficiam de choques, crescem quando expostas a volatilidade, aleatoriedade, desordem, e situações estressantes e adoram aventura”.

Posted in Body | Leave a comment

Cães de madeira de Marcos Sertânia

Papa recebe obra de Marcos Sertânia no Vaticano, entregue por um arcebispo da igreja católica

via:

https://www.uol.com.br/nossa/noticias/redacao/2020/03/05/maos-habilidosas-de-marcos-sertania-transformam-as-dores-do-sertao-em-arte.htm?fbclid=IwAR3axzgBvd0gRKQLNdq-lajSSi56tvtaK-nFY_fv6i7IK6DKeHyUn-xWEAs

Cachorra Baleia

Posted in Body | Leave a comment

Pulp Fiction à la Mario Bros.

by Fools Paradise: https://doublefools.blogspot.com/

Posted in Body | Leave a comment

get slapped

he who get slapped

he who should get

Posted in Mind | Leave a comment